Santa Clotilde finaliza safra com crescimento de 10%

Com investimentos em inovação tecnológica, a exemplo da adubação do canavial com o uso de vinhaça enriquecida, a usina Santa Clotilde finalizou o ciclo 21/22 com um crescimento de safra de 10%. Foram processadas, aproximadamente, um milhão de toneladas de cana com aumento de 25% de cana própria.
De acordo com Daniel Berard, diretor da unidade da agroindústria canavieira, a safra foi considerada boa safra com cenário de preços melhores. “Tivemos um incremento de 10% na safra. O ATR foi um pouco menos. Mas, mesmo assim, conseguimos ter um incremento de produção da ordem de 6%”, destacou.
Segundo o industrial, a política de governo para o ICMS ajudou o setor a comercializar mais etanol no mercado interno. “Agora, no final de safra, tivemos a regulamentação da venda direta do etanol aos postos. Acredito, que isso vai ajudar ao setor e ao consumidor alagoano”, reforçou.
Berard afirmou ainda que a expectativa para a próxima safra também é de crescimento. “Nossa expectativa é que ela seja um pouco maior com ganho de produtividade agrícola. Neste ciclo, fechamos com mais de 79 toneladas de cana por hectare. A usina Santa Clotilde está colhendo os frutos do trabalho, dedicação e investimentos dos últimos anos”, finalizou.