Safra 21/22 acumula mais 8,5 milhões de toneladas de cana processadas

Com três meses da safra 21/22, as usinas alagoanas processaram mais de 8,5 milhões de toneladas de cana. De acordo com dados do boletim quinzenal nº 06, com dados da produção acumulada até o dia 30 de novembro, o percentual de crescimento ante ao mesmo período da moagem passada, foi de 12,19%.
Segundo o departamento Técnico do Sindaçúcar-AL, responsável pelo levantamento, apenas duas das 15 unidades industriais em operação neste ciclo da cana em Alagoas registraram – até o fim de novembro – uma moagem inferior ao mesmo período da safra anterior.
Quanto a produção de açúcar, a variação de crescimento foi de 3,8%. Enquanto na safra atual o acumulado até novembro foi de 653.220 toneladas, no mesmo período da moagem passada a posição era de 629.325 toneladas. Neste cenário, oito das 15 usinas tiveram aumento na quantidade de açúcar produzido.
Já na produção de etanol, a variação de crescimento foi maior e chegou a 8,2% em comparação ao mesmo período da safra passada. O acumulado nos três primeiros meses de moagem foi de 197.220 milhões de litros do biocombustível, enquanto em novembro do ano passado as unidades industriais haviam processado 182.134 milhões de litros.