Notícias

Usinas ultrapassam expectativa inicial de moagem com 16,1 mi de toneladas de cana esmagadas

Prestes a ser finalizada, a safra da cana 18/19 em Alagoas já ultrapassou a segunda previsão de moagem das unidades industriais, tendo sido beneficiada – até o dia 31 de março – mais de 16,1 milhões de toneladas de cana.
De acordo com os dados repassados pelo departamento técnico do Sindaçúcar-AL, por meio do boletim quinzenal nº 14, os números refletem a moagem final de 13 unidades industriais que participaram do ciclo.
Atualmente, segundo o levantamento, apenas a usina Coruripe, localizada no litoral sul de Alagoas, ainda não encerrou a safra. A previsão, é que a moagem seja concluída na próxima semana. Contudo, a unidade industrial já beneficiou mais de três milhões de toneladas de cana.
O boletim informa ainda que, em comparação ao mesmo período da moagem passada, quando a produção acumulada das unidades industriais era de 13,6 milhões de toneladas, houve uma variação positiva de 18,3%.
Das 14 usinas que participaram da safra, apenas a Santa Maria e a Santa Clotilde tiveram uma variação negativa de crescimento de 23,1% e 4,5%, respectivamente. Já a variação positiva de crescimento nas demais unidades variou de 17,9% (Caeté) até 60,5% (Serra Grande).
O levantamento aponta ainda que em comparação a safra 17/18 duas usinas não participaram do ciclo 18/19. A primeira foi a Cachoeira, que no ciclo passado chegou a processar quase 500 toneladas de cana, e a segunda foi a Penedo, que acumulou uma moagem de quase 200 mil toneladas.

 

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Faça seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>