21ª Conferência Internacional DATAGRO

Notícias

Conab divulga levantamento de safra da cana com previsão de crescimento de 5,1%

Apostando no aumento da produção para o novo ciclo da cana em Alagoas, a Conab divulgou o segundo boletim de acompanhamento de safra com previsão de aumento de 5,1% da quantidade de cana beneficiada no ciclo 17/18.
De acordo com os dados da Conab, a produção estimada para o ciclo 17/18 é de 16,8 milhões de toneladas de cana, enquanto na safra passada a quantidade de cana processada ficou em pouco mais de 16 milhões de toneladas.
O boletim da Conab informa ainda que a área colhida de cana será de 325,2 mil hectares, o que corresponde a uma variação positiva de 0,9% na comparação com a safra anterior. Já a produtividade média prevista é de 51,8 toneladas por hectare, ou seja, alta de 4,1%.
Já a produção de açúcar estimada pela Conab é de 1,5 milhão de toneladas contra 1,4 milhão de toneladas contabilizadas no ciclo passado, proporcionando um aumento de 7,4%.
Enquanto isso, a produção de etanol prevista é de 331.622 milhões de litros. Em comparação a moagem passada, quando foram produzidos 382.993 milhões de litros, a redução esperada é de 13,7%.
Segundo o levantamento, em algumas regiões, diferentemente da última safra, o excesso de chuvas está prejudicando o desenvolvimento vegetativo e poderá, também, influenciar na maturação da cana, caso continue a chover na mesma intensidade.
Até o momento, nas áreas canavieiras, a precipitação pluviométrica varia entre 1.500 a 2.200 mm de chuvas, concentrado principalmente de maio a julho. Essa quantidade de chuvas prejudicou as lavouras plantadas em áreas mais baixas de algumas regiões.
O plantio de inverno é incipiente devido à trégua das chuvas que ocorreram desde maio. As unidades de produção estão com um novo método de plantio de baixo custo, que representa um ganho em termo de economia, onde se utiliza em média de 8 a 10 toneladas de sementes por hectare, quando no sistema anterior se utilizava até 15 toneladas de sementes.

 

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Faça seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>